logo-branco.png

15 de julho de 2024

Pesquisa Mapa mostra favoritismo de Adriano Silva e cenário estável em Joinville

Pesquisa Mapa em Joinville mostra cenário estável em relação a março e consolida favoritismo do prefeito Adriano Silva (Novo) para reeleição

O prefeito e pré-candidato à reeleição em Joinville, Adriano Silva (Novo), mantém ampla vantagem e favoritismo para as eleições de outubro, em cenário marcado pela estabilidade nos intenções de voto dos postulantes. Esse é o resumo dos números da pesquisa do Instituto Mapa, contratada pela Jovem Pan Joinville, que divulgou os resultados no Jornal da Manhã desta segunda-feira.

O levantamento traz números semelhantes à primeira rodada de pesquisa, realizada em março, com números variando dentro de margem de erro de 4,4 pontos percentuais. Ambas as pesquisas foram contratadas pela Jovem Pan Joinville. O upiara.net publica e analisa pesquisas contratadas pelos veículos em que Upiara Boschi é comentarista.

Na pesquisa estimulada, em que são apresentados aos eleitores pesquisados os nomes dos pré-candidatos e seus respectivos partidos, o prefeito Adriano Silva, do Novo, marca 60,1% das intenções de voto. Na sequência vem o deputado estadual Sargento Lima (PL), com 11,1%, e o ex-prefeito Carlito Merss (PT), com 8,3%. Pela margem de erro, Lima e Carlito apresentam empate técnico.

Um segundo bloco de pré-candidatos traz o deputado estadual Fernando Krelling (MDB), com 3,4%, o ex-vice-prefeito Rodrigo Bornholdt (PSB), com 2,2%, e o empresário Anelísio Machado (PP), com 1,4%. O trio está em situação de empate técnico.

Intenção de votos brancos e nulos somaram 6,2%, enquanto 7,3% dos eleitores pesquisados se declararam indecisos.

Os números apontam a estabilidade do cenário, todos dentro da margem de erro na evolução de março para agora.

Veja o comparativo da Pesquisa Mapa em Joinville

Em verde escuro estão os números divulgados nesta segunda-feira. Os valores com * referem-se a candidatos que participaram da pesquisa anterior (mar/24), mas não foram incluídos nesta pesquisa (jul/24).

Pesquisa Mapa mostra que pré-campanha foi desperdiçada por adversários

A estabilidade dos números na segunda rodada des pesquisas do Instituto Mapa aponta que a pré-campanha foi desperdiçada pelos pré-candidatos que se opõem ao prefeito Adriano Silva. Especialmente, nesse caso, a esperada polarização com o PL do deputado estadual Sargento Lima. A pesquisa de março mostrava que ele já havia sido percebido como o nome do grupo mais alinhado ao ex-presidente Jair Bolsonaro, mas o segundo levantamento indica que ele não conseguiu avançar nesse campo.

Nas esquerdas, curiosamente, o cenário não é diferente: a pré-candidatura de Carlito Merss (PT) consolidou o voto desse eleitorado e impediu o avanço de Rodrigo Bornholdt (PSB).

A oscilação negativa das intenções de voto de Fernando Krelling expõe, mais uma vez, a dificuldade do tradicional MDB, com perfil de centro, de se encaixar no cenário joinvilense deste ano. No entanto, diferentemente dos outros nomes citados na pesquisa, Krelling não se apresenta como pré-candidato. O nome do MDB deve ser Luiz Cláudio Gubert.

Veja o comentário de Upiara Boschi no Jornal da Manhã


Foto: O prefeito Adriano Silva ao lado da vice-prefeita Rejane Gambin, ambos do Novo e pré-candidatos à reeleição.
Crédito: Divulgação.

COMPARTILHE
Facebook
Twitter
LinkedIn
Reddit

Anúncios e chamada para o mailing