logo-branco.png

12 de junho de 2024

Autorização do curso de Medicina em Curitibanos reúne lideranças de SC em Brasília

O ministro da Educação, Camilo Santana (PT-CE) assinou, na segunda-feira, o ato de autorização do curso de graduação em medicina da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), a ser ofertado no campus de Curitibanos. O evento reuniu lideranças políticas catarinenses de diversos partidos – do PT ao PL, no 2º Encontro de Lideranças Municipalistas Catarinenses, em Brasília.

Estiveram presentes o deputado federal Valdir Cobalchini (MDB), Ana Paula Lima (PT) e Pedro Uczai (PT), os deputados estaduais Luciane Carminatti (PT), Padre Pedro Baldissera (PT), Marquito (PSOL) e Nilso Berlanda (PL), a secretária do Estado de Saúde, Carmen Zanotto (Cidadania) e o reitor da UFSC, Irineu Manoel de Souza.

A autorização observa regras, procedimentos e padrão decisório para os pedidos de autorização de novos cursos de medicina por instituições de educação superior integrantes do Sistema Federal de Ensino, de acordo com a Portaria Normativa nº 15, de 22 de julho de 2013.

Segundo a deputada Luciane, a demanda dura ao menos uma década.

Vamos atender uma demanda antiga da região, ajudando a formar mais médicos com ensino público e de qualidade. O governo Lula está comprometido nos investimentos em Educação e já percebemos o resultado com mais cursos e a abertura de novos institutos federais – diz.

Pedro Uczai completa, citando o objetivo de ampliar o acesso ao ensino superior público na região central do estado e de levar novos profissionais da saúde para atuarem nos municípios vizinhos.

A educação é a causa da minha vida e a melhor herança que posso deixar para o povo de Santa Catarina. A assinatura desse decreto, que tanto batalhamos desde 2014, representa que o Brasil está no rumo certo. Com fé, seguiremos melhorando a educação e levando saúde e vida para cada canto do nosso país – afirma o parlamentar.

Ana Paula Lima, vice-líder do governo Lula (PT), também grafou a importância da interiorização do ensino em Santa Catarina.

Não apenas favorece a educação, mas também fortalece os serviços de saúde em toda a região, uma vez que os alunos contribuem para a ampliação do atendimento. O presidente Lula se mostra comprometido com os investimentos em Educação e já começamos a colher os frutos com a abertura de novos cursos e institutos federais – destaca a deputada.

O Ministro de Estado da Educação, Camilo Santana, falou sobre inclusão e qualidade na educação municipal, abordando os desafios e as perspectivas para os municípios catarinenses. Na ocasião, também abordou o impacto positivo do programa Pé-de-Meia, a poupança do ensino médio lançada pelo governo federal, e de outros programas executados pelo MEC no estado.

A implantação do curso integrou a Política Nacional de Expansão das Escolas Médicas das Instituições Federais de Educação Superior. A pactuação foi realizada entre a UFSC e o Ministério da Educação, por intermédio da Secretaria de Educação Superior (Sesu). O campus de Curitibanos da UFSC ofertará 25 vagas totais anuais, conforme resultado da capacidade da rede de saúde do município e da região de saúde apurada pela Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES), do Ministério da Saúde.


Foto: MEC/Divulgação

COMPARTILHE
Facebook
Twitter
LinkedIn
Reddit

Anúncios e chamada para o mailing