logo-branco.png

12 de junho de 2024

Com problemas, Mercado Público de Florianópolis corre risco de interdição

A 30a Promotoria de Justiça do MPSC vai expedir uma recomendação à prefeitura de Florianópolis para correção dos problemas verificados no Mercado Público de Florianópolis em vistoria realizada na manhã desta segunda-feira (13).

O promotor de Justiça Daniel Paladino também quer a apresentação dos contratos mantidos pela administração municipal com as empresas de manutenção do espaço. Se as questões não forem solucionadas no prazo estipulado, a próxima recomendação será pela interdição de todo o Mercado Público.

De acordo com Paladino, as bombas d´água e a central contra incêndio não estão funcionando, há goteiras em todo o Mercado e o único dos quatro banheiros que está à disposição dos usuários se encontra em “situação precária e degradante”.

A vistoria foi acompanhada pela Associação de Comerciantes do Mercado Público e pelo Conseg (Conselho de Segurança do Centro).

Os colunistas são responsáveis pelo conteúdo de suas publicações e o texto não reflete, necessariamente, a opinião do site Upiara.

Anúncios e chamada para o mailing