logo-branco.png

23 de maio de 2024

Marcha dos Municípios em Brasília terá 130 prefeitos catarinenses

A partir desta segunda-feira, 130 prefeitos catarinenses desembarcam na Capital Federal para a 24ª Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios. O evento ocorre de 27 a 30 de março e deve reunir mais de 8 mil pessoas em defesa da pauta municipalista. Uma das responsáveis pela mobilização dos participantes catarinenses, a Federação dos Consórcios, Associações e Municípios de Santa Catarina (FECAM) estará presente com um estande institucional durante o evento.

Além dos prefeitos, outros cerca de 450 representantes irão à Marcha, entre vice-prefeitos, secretários municipais e servidores.

– A FECAM esteve em constante mobilização com as associações, convocando os prefeitos e ressaltando a importância de levarmos a nossa voz para a Marcha. Nossa presença em Brasília é de suma importância para que possamos expor as nossas reivindicações e mostrar o nosso poder de articulação – afirma a presidente da Federação, Milena Lopes, prefeita de Vargem.

Na pauta dos representantes de Santa Catarina estão temas como a reforma tributária, o piso salarial do magistério, saneamento básico, o Censo Demográfico e o Fundo de Participação dos Municípios.

– São temas que afetam diretamente a nossa gestão orçamentária. Além disso, estamos buscando agendas junto às secretarias e ministérios para levar nossas pautas específicas e promover uma aproximação da FECAM com os órgãos federais – completa Milena.

Na terça-feira, após a programação da Marcha, a FECAM estará presente na reunião do Fórum Parlamentar Catarinense.  O principal objetivo da reunião é expor para os parlamentares catarinenses em Brasília as maiores demandas dos municípios de Santa Catarina. Na pauta do encontro estão a reforma tributária, pacto federativo, pisos salariais (Magistério e Enfermagem), Censo Demográfico, Fundo de Participação dos Municípios, PL 196/2020, PL 1453/2019,  extinção da Funasa, ICMS/ISS e transferências especiais.


Sobre a foto em destaque:

Estande da Fecam em Brasília. Foto: Diórgenes Pandini, Fecam.

COMPARTILHE
Facebook
Twitter
LinkedIn
Reddit

Anúncios e chamada para o mailing