logo-branco.png

18 de junho de 2024

Pinho Moreira encontra Amin para agradecer ajuda na aprovação da captação de R$ 2 bilhões para o BRDE

Antigos adversários na política catarinense, o ex-governador Eduardo Pinho Moreira (MDB) e o senador Esperidião Amin (Progressistas) deixaram as divergências de lado para celebrar uma conquista conjunta. Ainda diretor financeiro do BRDE, o emedebista aproveitou uma série de agendas em Brasília para agradecer, em nome de toda a diretoria da instituição, o empenho do progressista na aprovação na Comissão de Assuntos Econômicos e no plenário do Senado da autorização para contratação de quase R$ 2 bi com o Banco Mundial (BIRD) e outros bancos internacionais de fomento.

Os recursos captados serão aplicados em programas de desenvolvimento nos três Estados do Sul. A participação de Amin se deu em dezembro, nos últimos dias de atividades do Congresso Nacional, época em que estava acometido de covid.

– Naquele momento, pedi apoio do senador Amin, que prontamente entendeu a importância desses recursos e de que precisávamos da aprovação ainda em 2022. Se isso não tivesse sido aprovado, esses trâmites atrasariam ainda mais o desenvolvimento da nossa região, por isso, fui pessoalmente fazer um agradecimento especial – relembrou Pinho Moreira.

O contrato com o BIRD foi assinado na quinta-feira, no montante de R$ 89,6 milhões de euros, (aproximadamente R$ 515 milhões de reais), que serão aplicados para novos financiamentos na Região Sul, direcionados a financiar projetos que visem a melhoria da infraestrutura dos municípios, notadamente a infraestrutura resiliente a eventos naturais externos – deslizamentos, inundações, entre outros.

A assinatura deste contrato se soma às assinaturas de outros dois contratos internacionais com aval da União, junto ao NDB (assinado em 30/12/2022) e junto ao BID (assinado em 07/02/2023), nos valores de R$ 134,64 milhões de euros (aproximadamente R$ 770 milhões) e US$ 150 milhões (cerca de R$ 790 milhões), respectivamente.

– Tudo isso é resultado de uma política que o BRDE vem adotando nos últimos anos de diversificação das fontes de recursos, o que garante mais funding e desenvolvimento para Santa Catarina, e nossos estados vizinhos – enfatizou o atual diretor financeiro.

Pinho Moreira realiza seus últimos movimentos no BRDE. O governador Jorginho Mello (PL) já formalizou a indicação do ex-deputado federal e ex-prefeito blumenauense João Paulo Kleinübing (União Brasil) para sucedê-lo. A nomeação depende de aval do Banco Central.

COMPARTILHE
Facebook
Twitter
LinkedIn
Reddit

Anúncios e chamada para o mailing