logo-branco.png

18 de junho de 2024

Joinville caminha para aumentar ainda mais a área urbana do municipio

Cidade de Joinville vista de cima

Acontece nesta quinta-feira, dia 25 de abril, a audiência pública para debater sobre o projeto que cria a área de expansão urbana Sul, em Joinville, em um espaço de 3.200 hectares. (Cada hectare equivale a 10 mil metros quadrados).

Esta área deixará de ser considerada de uso rural para se tornar urbana. A lógica econômica está bem delineada: quando aprovada, com a nova nomenclatura juridicamente implementada, imóveis privados ganharão valorização exponencial por conta do fato de que, então, poderão ter novos usos.

A AEU Sul tem extensão delimitada até os municípios de Araquari e Guaramirim.

Linha férrea também passa por lá e a BR-101 corta a área. Também lá estava prevista a construção de campus universitário da Universidade Federal de Santa Catarina, a UFSC. Mas que não se concretizou até agora.

Nesta área de expansão urbana Sul, quando definida legalmente, será possível instalar comércios, condomínios industriais, negócios do setor de serviços, empresas de tecnologia e haverá áreas residenciais.

Foi o plano diretor, em 2008, que permitiu a criação de áreas de expansão urbana.

A implantação efetiva desta AEU, na região Sul, somada com os empreendimentos previstos privados industriais e de comércios e serviços para o bairro Paranaguamirim, vão transformar radicalmente a história da região Sul de Joinville.

É para lá que se vai desenhar o futuro do município nas próximas décadas.

Os colunistas são responsáveis pelo conteúdo de suas publicações e o texto não reflete, necessariamente, a opinião do site Upiara.

Anúncios e chamada para o mailing