logo-branco.png

14 de abril de 2024

Júlio Garcia diz que há consenso para 75% a 25% na divisão entre Acafe e Ampesc no Universidade Gratuita

O percentual de orçamento do programa Universidade Gratuita deve ser definido em 75% para as universidades comunitárias e 25% para as instituições com fins lucrativos. A avaliação é do deputado estadual Júlio Garcia (PSD), durante entrevista ao quadro Plenário, na rádio Som Maior, na segunda-feira. O martelo seria batido em reunião do presidente da Assembleia Legislativa com os líderes das bancadas partidárias na segunda-feira, mas o encontro foi adiado para dia 3 de julho, antevéspera do prazo final acertado para votação da proposta.

Segundo Júlio Garcia, o atraso se deu em decorrência do alto volume de emendas apresentadas pelos parlamentares. Ao todo, foram 155; 17 das quais vieram do PSD. O pessedista garante que isso não significa que há desalinho ou má vontade entre o partido e o governo de Jorginho Mello (PL).

– Queremos encontrar o entendimento independentemente das emendas. O que vale é o resultado final, as emendas que forem aprovadas e o projeto que vá à redação final. Temos dois pontos cruciais: os percentuais das universidades comunitárias em relação às particulares. Neste aspecto, já se encontrou o consenso. O governo mandou 80% a 20% e concertamos para 75% a 25%.

Segundo o deputado, o detalhe que falta para o acordo entre governo, Alesc, Acafe e Ampesc são as vagas que serão ofertadas em contrapartida pelas comunitárias. Enquanto o projeto original prevê que a cada três vagas pagas pelo Estado, uma seja custeada pela universidade, a Acafe quer acréscimo de uma vaga paga pelo cofre público como compensação da perda percentual no orçamento da proposta. Isso é: quatro para um.

Defendendo que o PSD não tem criado dificuldades para o governo Jorginho, Júlio Garcia lembra a participação do deputado estadual Napoleão Bernardes, líder do partido, na defesa da proposta.

– Em relação ao projeto das universidades, o PSD também tem tido protagonismo muito forte na pessoa do nosso líder Napoleão Bernardes. É oriundo da universidade, é professor universitário, conhece o tema e nos representa nessa discussão que avança no dia de hoje para que possamos ter uma reunião de líderes no fim da tarde e concluir essa negociação que a Assembleia está realizando.


Sobre a foto em destaque:

Júlio Garcia. Foto: Vicente Schmitt, Agência AL.

COMPARTILHE
Facebook
Twitter
LinkedIn
Reddit

Anúncios e chamada para o mailing