logo-branco.png

18 de junho de 2024

A lista de Jorginho: quatro pré-candidatos a prefeito são exonerados; Patrícia sai, Usuy fica

Pré-candidatos, Carmen Zanotto, Ricardo Guidi, Robison Coelho, Patrícia Lueders e Emanuela Wolff deixaram os cargos no governo Jorginho Mello

Carmen Zanotto, Ricardo Guidi, Robison Coelho, Patrícia Lueders e Emanuela Wolff deixaram os cargos no governo Jorginho Mello (PL) para continuarem pré-candidatos nas eleições de outubro. Edgard Usuy continua no Planejamento e está fora da disputa para ser colega de chapa de Topázio Neto em Florianópolis.

A edição do Diário Oficial do Estado desta quarta-feira oficializou a saída dos pré-candidatos a prefeito e vice-prefeito que deixaram o cargos para continuarem aptos a concorrer nas eleições de outubro. Este dia 5 de junho é a data-limite para quem ocupa vagas nos governo Jorginho Mello (PL) e nos municípios serem exonerados.

A lista confirma os principais nomes do governo escalados para concorrer a prefeitos, mantém abertas possibilidades e também exclui outras. Não está na lista, por exemplo, o secretário de Planejamento, Edgard Usuy (PL). Ele era cotado para concorrer a vice-prefeito na composição do PL com o prefeito Topázio Neto (PSD), de Florianópolis, pré-candidato à reeleição.

Pesou na decisão pela permanência de Usuy a avaliação interna de que seria difícil encontrar outro nome com mesmo perfil e trânsito dentro do governo para substituí-lo.

Quem continua como possibilidade é a agora ex-secretária-adjunta da Educação, Patrícia Lueders (PL). Ela deixou o posto para continuar apta a concorrer porque a vice-prefeita de Blumenau, Maria Regina Soar (PSDB) ainda não aceitou o convite para disputar a reeleição como companheira de chapa do deputado estadual Egídio Ferrari (PL).

Em nota, Maria Regina disse ter “recebido com muita satisfação o convite oficial para ser vice-prefeita na chapa do PL”, mas que “mantém seu projeto e segue pré-candidata a prefeita de Blumenau”.

Em 2020, ela foi eleita em parceria com o prefeito Mario Hildebrandt (PL), que apoiará Egídio Ferrari. Na nota, a atual vice-prefeita não crava a negativa ao PL como definitiva, dizendo que “a decisão será tomada em conjunto com o PSDB”.

Pré-candidatos a prefeituras

As exonerações deste 5 de junho confirmam os nomes cuja saída não era mais notícia. Carmen Zanotto (Cidadania) deixa a Secretaria da Saúde para concorrer a prefeita de Lages, enquanto o agora ex-colega Ricardo Guidi (PL) foi exonerado da pasta de Meio Ambiente e Economia Verde para entrar na disputa pela prefeitura de Criciúma.

O secretário-adjunto de Portos, Aeroportos e Ferrovias, Robison Coelho (PL) deixou a função para concorrer a prefeito de Itajaí. Fechando a lista, Emanuela Wolff (Podemos) deixou a coordenadoria da Central de Atendimento a Municípios, órgão ligado à Casa Civil, e continua apta a concorrer à prefeitura de Jaraguá do Sul.


Imagem: Diário Oficial do Estado traz as exonerações.

COMPARTILHE
Facebook
Twitter
LinkedIn
Reddit

Anúncios e chamada para o mailing