logo-branco.png

15 de abril de 2024

“Casan seguirá como empresa pública”, avisa futuro presidente

Laudelino Bastos, futuro diretor-presidente da Casan, afirmou que a estatal seguirá como empresa pública durante a primeira reunião de transição realizada nesta quarta-feira dentro da empresa.

O encontro contou com a presença da atual presidente, Roberta Maas. Laudelino assumirá a direção da companhia em fevereiro após realização de reunião do Conselho da Casan.

– Gostaria de reiterar o compromisso do nosso governador de que a Casan seguirá sendo uma empresa pública. Mais do que isso, quero informar aos nossos 2.500 colaboradores que o nosso gabinete estará sempre de portas abertas para eles.

Durante cinco horas, Laudelino ouviu atentamente apresentações das áreas jurídica, de relações com poder concedente, agências reguladoras e planejamento.

– Quero agradecer a acolhida. Foram apresentações bem detalhadas de como está a Casan e que contribuirão para que a nova gestão possa fazer um trabalho bem assertivo- elogiou Laudelino, que confirmou dois nomes da sua nova diretoria: Pedro Joel será mantido no posto de diretor de Operação e Expansão.

Maria Terezinha Debatin ocupará o cargo de diretora administrativa. Nesta sexta, haverá uma nova rodada de apresentações na sede da companhia.

COMPARTILHE
Facebook
Twitter
LinkedIn
Reddit

Anúncios e chamada para o mailing