logo-branco.png

12 de junho de 2024

A noção de riqueza varia e não depende de quanto dinheiro a pessoa tem

Noção de dinheiro diferentes entre as pessoas

Que o Brasil é um país social e economicamente injusto, isso todos sabemos. Que muito
poucos detém fatia muito grande da riqueza nacional, enquanto muitos e muitos sobrevivem,
apenas, também sabemos.


Neste ambiente, o texto abaixo pode nos ajudar a refletir sobre como é possível perceber o
valor das coisas de maneiras bem diferentes.
Um homem foi ao banco e pediu para falar com o gerente. Sentou-se e o bancário
perguntou:

  • Bom dia. O que o senhor precisa?
  • Preciso de um empréstimo de 15 mil euros. Vou viajar por duas semanas, ficarei fora
    do país.
  • E qual é a garantia que o senhor pode me dar?
  • Bem. Tem um Porsche aí em frente da agência, senhor. Está avaliado em R$ 120 mil
    euros.

Surpreso, o gerente inspecionou o carro de luxo e autorizou a operação. Ordenou a um
funcionário levar o carro para o estacionamento subterrâneo.


Quinze dias depois, o cliente retornou e o gerente lhe disse: – Enquanto o senhor estava
fora, verificamos, detalhadamente seu histórico financeiro. E vimos que o senhor é
bilionário. Por que, então, precisava de um empréstimo de 15 mil euros?

  • Senhor gerente, me diga: onde, em outro lugar, eu poderia ter deixado o meu carro
    Porsche estacionado com segurança, durante 15 dias, pagando só 8 euros?

Os colunistas são responsáveis pelo conteúdo de suas publicações e o texto não reflete, necessariamente, a opinião do site Upiara.

Anúncios e chamada para o mailing