logo-branco.png

14 de abril de 2024

O que disse Jorginho Mello sobre a nomeação de Rafael Nogueira para a FCC

Ao final da entrevista coletiva da secretária Carmen Zanotto (Cidadania), da Saúde, sobre o programa para zerar as filas de cirurgias no Estado, aproveitei a presença do governador Jorginho Mello (PL) para perguntar sobre a repercussão da nomeação de Rafael Nogueira para a presidência da Fundação Catarinense de Cultura (FCC). A escolha do ex-presidente da Fundação Biblioteca Nacional no governo Jair Bolsonaro (PL) foi uma indicação da deputada federal Carol de Toni (PL) e da deputada estadual Ana Campagnolo (PL) e sofre resistências, especialmente após a revelação de antigas críticas dele ao carnaval no Twitter. Veja como foi a conversa:

– Governador, o senhor vai levar o presidente da FCC para conhecer o carnaval de Joaçaba?
– Eu vou, sim (Jorginho sorri). E vou trazer para uma diretoria da FCC uma pessoa ligada ao carnaval de Joaçaba.
– O que achou da repercussão da nomeação?
– É um menino qualificado, tem currículo. Falou umas besteiras, mas já se arrependeu. E se não fizer o que eu mando, vai embora. Quem está reclamando é um pessoal de esquerda.


Sobre a foto em destaque:

Jorginho Mello fala com jornalistas. Foto: Eduardo Valente, Secom.

COMPARTILHE
Facebook
Twitter
LinkedIn
Reddit

Anúncios e chamada para o mailing